Aurora

À Quintana:

E todos aquilos
que um dia estiveram atravancando o meu corpinho
(...)

Eles passaram.
Eu passarinho! v.V

_Aline, 21/03/2015.



domingo, 27 de junho de 2010

Inverno

O sol agora é tímido

A neblina, ao contrário, perdeu a vergonha
O dia recolhe-se precocemente
E a noite apressa-se em cair
É inverno lá fora
Mas, sobretudo, é inverno aqui dentro
É a minha alma que sente frio.



(Aline Barra - 27/06/2010)

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Rodavida

No caos
a descoberta
Na descoberta
o reencontro

As mãos e os pés
O umbigo e o púbis
A cabeça e os joelhos

A razão e o instinto
A rigidez e a flexibilidade
O corpo e a alma

Do caos
a dualidade
Da dualidade
o equilíbrio

e a fluidez...

a vida pode ser uma brincadeira de roda.




(Aline Barra - 23/06/2010)