Aurora

À Quintana:

E todos aquilos
que um dia estiveram atravancando o meu corpinho
(...)

Eles passaram.
Eu passarinho! v.V

_Aline, 21/03/2015.



terça-feira, 20 de março de 2012

Outro outono...



e lá se vão


folhas
secas

verdes olhos

primavera
verão sem colheita

outro outono...

e esta falta que não cansa de estacionar-se em mim.




(Aline Barra - 20/03/2012) 

sábado, 17 de março de 2012

Sobre mitos, perdas e apegos...


Homem Vitruviano - Leonardo Da Vinci, 1940



Tal qual Narciso que após perder sua gêmea
passa a buscá-la na contemplação da própria imagem no lago

Também nós, míopes de nós mesmos
vemos no outro o nosso gêmeo perdido

E apaixonamo-nos por ele
E apegamo-nos a ele
Cegos, desatinados
Ávidos por uma fusão de corpos e almas
Na tentativa de unir o separado

E o perdemos
Perdemo-nos, repetidamente

Pois não há separação
Somos vitruvianos, simétricos, inteiros

Se queres Eros
Não te enganes na contemplação de Narciso

Ao contrário,
feches os olhos
e aprendas a ver (n)o escuro 
de si.

(Aline Barra - 17/03/2012)